8 ferramentas de autoconhecimento que você deve conhecer

Para realizar mudanças relevantes em nossas vidas e definir nossas metas, é fundamental que nos conheçamos profundamente. Para isso, as ferramentas de autoconhecimento são importantes, pois permitem o desenvolvimento pessoal e profissional em quaisquer circunstâncias.

Ter uma compreensão de si próprio, porém, demanda tempo e envolve um processo complexo. Contudo, ao nos depararmos com dificuldades ou pontos fortes, conseguimos ter um melhor poder de decisão e planejar caminhos promissores.

Neste post, separamos 8 ferramentas para seu autoconhecimento. Acompanhe!

1. Capacidade de se questionar

Inicialmente, devemos aprender a nos questionar em vez de procurar respostas e conselhos com os outros. Para começar, pergunte-se e analise o que julgava ser uma verdade absoluta até hoje.

Quando outro indivíduo diz o que você deve fazer e vice-versa, isso é alicerçado no mundo de quem está dando a opinião. Nesse sentido, são consideradas as vivências pessoais de cada um. Daí a importância de que a própria pessoa deve se desenvolver e encontrar as respostas por si mesma.

Nos treinamentos Master Mind, é surpreendente o resultado que se consegue atingir em poucas sessões, simplesmente pelo fato do indivíduo ser exposto a uma série de perguntas e ferramentas que o colocam diante de si mesmo.

Possibilidades

Um meio de se conhecer é buscar formas de fazer coisas diferentes, estudar conteúdos diversos, enfrentar o novo. Além disso, é importante libertar-se de qualquer tipo de pré-julgamento para conquistar novos objetivos.

Outra maneira é escrever sempre o máximo que puder. Coloque em um papel todas as informações sobre você que vierem à cabeça. A partir disso, defina-se: qual o seu nome? Quantos anos? Qual a sua profissão? Você é pai ou mãe? Você é irmão/irmã? Como você se definiria?

Peça também a três pessoas próximas três palavras que elas usariam para definir quem é você. Outras questões que podem ser abordadas são: o que você me chamaria para fazer caso precisasse de mim? O que não me chamaria para fazer? Dessa forma, será possível ter uma ideia da perspectiva do outro e até descobrir habilidades em potencial.

Mudanças

Lembre-se de que sempre é tempo de se reescrever. Você está descontente com a imagem que criou de si mesmo ou com a forma com que os demais o enxergam? Que tal mudar? O que você quer ser?

Veja o seu ambiente: além de se conhecer, é preciso encarar o espaço onde vive, como o de trabalho, o familiar e o social. Observe como cada um deles influencia sua vida. Como podem facilitar ou atrapalhar sua forma de viver?

Pondere seus pontos fortes e fracos, anote em um papel o que já fez na vida e foi bem-sucedido ou o que faz hoje. Relacione tudo aquilo que você encontra dificuldade de fazer (ou já teve um dia) e não consegue superar. Esses são seus pontos fracos.

Como eles o afetam? Como atrapalham sua vida profissional ou particular? Por meio do desenvolvimento pessoal, identifique seu pior ponto fraco e comece a trabalhar em prol de sua própria melhora.

2. Procura pelo seu destino pessoal

A procura pelo destino pessoal ou propósito de vida não é uma ferramenta de autodesenvolvimento em si, mas uma ótima forma de descobrir particularidades sobre si mesmo que ainda não desenvolveu ou não conhecia.

Será um processo de busca que promoverá o autoconhecimento, pois você só definirá qual o seu propósito quando souber quem é. Nesse contexto, o Master Mind pode te ajudar a descobrir essas informações e a traçar metas, tornando-as reais em pouco tempo.

Ferramentas de autoconhecimento como formas de tratamento

Algumas vezes, é necessário fazer uso de tratamentos terapêuticos para conseguir lidar com crenças, traumas, desafios. Muitos conseguem tirar um elevado proveito para a vida profissional e pessoal das informações obtidas em sessões de terapia.

Você pode utilizar diversas linhas e abordagens de terapia que valem a pena. E parta do princípio de que o ideal é buscar uma com a qual se identifique mais.

3. Reflexão diária

A meditação é um recurso que tem sido adotado como forma de proporcionar ao indivíduo mais autoconhecimento, qualidade de vida, disposição e produtividade. Algumas técnicas, principalmente de respiração e reflexão diárias, são poderosos instrumentos para o autoconhecimento.

4. Assessment

Outra ferramenta que vem sendo adotada é a assessment. Trata-se de uma avaliação utilizada em gestão profissional, processos de coaching e RH de empresas.

São empregados métodos e técnicas para que o indivíduo possa se conhecer com maior eficiência e analisar com mais propriedade e critério as pessoas ao seu redor. Com isso, torna-se possível avaliar competências, buscar o autoconhecimento e geri-lo corretamente.

5. Feedback

O exercício do feedback deve ser uma realidade na vida de qualquer pessoa, na esfera profissional ou pessoal. Saber dar e receber retornos acabou se tornando um aspecto muito desejado no mercado de trabalho.

Dar pareceres sobre processos e pessoas, além de poder ouvir sobre sua própria atuação, é primordial para o conhecimento de suas fortalezas e limitações. Busque, nesses processos, oportunidade para aprender mais sobre si e promover as mudanças necessárias em sua vida.

6. Ensino emocional e autoconhecimento

É muito importante compreender emoções, pensamentos, crenças e hábitos, pois o autoconhecimento esbarra nos aspectos emocionais. Então, uma boa ferramenta é a educação emocional, que proporciona o desenvolvimento e a aprendizagem das emoções.

7. Trabalho de grupo

Os trabalhos de grupo podem trazer muito autoconhecimento. São diversas as atividades que proporcionam contato com outras pessoas, o que é sempre uma oportunidade para conhecer-se e questionar-se melhor.

8. Trabalhos criativos

Qualquer exercício que desenvolva a criatividade faz com que a pessoa mergulhe dentro de si mesma e compreenda-se mais profundamente, lidando de modo direto com sua intuição e seus instintos. Pense sobre quais trabalhos criativos são de seu interesse e procure colocá-los em prática sempre que possível.

Tais ferramentas, como as técnicas aplicadas nos treinamentos Master Mind, têm sido muito eficazes no reconhecimento de fortalezas, fraquezas, ameaças e oportunidades para cada indivíduo. Quando ministrada na vida pessoal, é possível identificar metas ou propósitos.

O autoconhecimento é essencial quando desejamos materializar nossos desejos. Compreender os objetivos que temos e saber quais recursos podemos utilizar para atingir nossas metas é o primeiro passo a ser dado em direção ao que nos propusemos a fazer.

Ao se conhecer um pouco mais, você adquire a capacidade de compreender melhor o caminho da sua mente e de tomar decisões. Além disso, torna-se mais fácil liderar grupos, lidar com pessoas e assumir riscos.

Gostou de nossas dicas de ferramentas de autoconhecimento? Tem alguma dúvida? Deixe seu comentário e nos conte suas experiências!

1 comentário

  • […] Pense bem no que você quer. Visualize este futuro com detalhes em sua mente e foque nisso. O autoconhecimento é algo que pode ajudar muito nesse […]

  • Deixe seu comentário

    Deixe uma resposta

    O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *